Low BBQ Pinheiros

Low BBQ Pinheiros

De São Paulo:

Acertaram em fazer um mix entre a tradição do preparo de carnes defumadas na Pit, com alguns cortes típicos dos EUA, mas também brasileiros, num ambiente moderno e com preços justos, sem exageros.

A tradição do BBQ do sul dos EUA, notadamente a do Texas, com carnes preparadas na Pit sempre me encantou. Não que eu ache melhor ou pior do que o nosso churrasco Sul-Americano. Em realidade considero como coisas distintas, ambas com forte influência na cultura de cada região das Américas.

Bandejão Ogro traz um pouco das principais carnes da casa

Na realidade há coisas que se assemelham na cultura gastronômica brasileira com o EUA, como o preparo lento de carnes no bafo: a costela, o cabrito e no estado de São Paulo, o cupim (corte brasileiríssimo).   

Mesmo assim demorou muito para que começassem a surgir algumas casas que trouxessem o jeito americano de fazer churrasco, com os cortes defumados na Pit.

Aqui no bairro de Pinheiros, na Rua Pedroso de Moraes, o BOS BBQ era um restaurante legal, bem espaçoso e com boa comida. Sabe-se lá porque cargas d´água durou pouco mais de um ano e fechou as portas. Verdade seja dita, dava a impressão de nunca estar muito cheio, mas talvez pelo grande tamanho do salão (mesmo estando cheio, parecia vazio) .  

A linguiça artesanal é um dos destaques do cardápio

Fiquei feliz em saber que outra casa com uma Pit abriu no bairro, na Rua dos Pinheiros. Mas o Low BBQ se difere do BOS em muitos aspectos. Ele foca na pit, na defumação, e não é um restaurante temático “texano”.

É uma casa moderna e atraente (seguindo o padrão industrial que virou moda na cidade), tem um bom tamanho e os preços são justos, sem exageros.

Mas fundamentalmente eles acertam em fazer um mix de tradições. Você pode apreciar de entrada um típico Ribs com molho BBQ, ou um Bolovo de Brisket (versão do clássico paulistano, com massa feita de brisket defumado). Também há uma linguiça artesanal que eu considero um dos grandes destaques de lá, imperdível!

Brisket que pedi numa passagem pelo almoço

Nas carnes, o cardápio contempla pedidas clássicas do BBQ estadunidense como brisket, o pulled pork, além da costela bovina (uma tradição dividida entre os EUA e o Brasil).

Outros itens brazucas como o Cupim de boi e a Maminha também são preparados lentamente na Pit (que fica no fundo do salão, como um objeto religioso para ser louvado).

É difícil escolher por onde começar, por isso mesmo é bom sempre ir acompanhado. Uma boa opção é o Bandejão Ogro, que traz um pouco das principais carnes da casa, o brisket, a costela, cupim, pulled pork e a linguiça, com três acompanhamentos para escolher. É para dois ogros ou três seres humanos com fome normal.

Bom chope Pale Lager da Votus

Da primeira vez que estive lá, sozinho, tive de abdicar do Bandejão e acabei pedindo pelo Brisket, que eu adoro, mas… Não que tenha sido uma decepção, porém esperava mais daquele peito bovino. Achei um pouco ressecado.

No entanto, a linguiça (que pedi de entrada), a porção de batatas com páprica e sal defumado e a farofinha (para não deixar de ter um componente made in Brazil) compensaram tudo. Sai rolando, pois no fim, a quantidade servida era farta.

Decidi que tinha de voltar, tirar a prova. O lugar merece um retorno sim. Chamei um amigo com fome e estivemos lá num final da tarde, onde pudemos apreciar sem pudor o ótimo chope da casa, um Pale Lager da cervejaria Votus (tomara quem tenham mantido).

Dessa vez fomos direto no Bandejão.  Continuei com a mesma impressão que tive antes sobre o brisket. Mas o resto estava ótimo, o pulled pork, a costela, a linguiça (já devidamente elogiada) e, principalmente, o Cupim bovino. Excelente!

Ambiente moderno em estilo industrial

No fim das contas acho que curti mesmo foi adaptação da churrasqueira pit (uma grande invenção estadunidense) ao gosto brasileiro. O Cupim de lá é nota 10. Só falta eu voltar para provar a Maminha.

No almoço eles servem menu executivo onde escolhe-se uma carne e dois acompanhamentos e o esquema é pague e pegue no balcão, sem garçom. Ligeiro e com preços em conta. Vou dizer que é difícil passar por ali durante a semana para almoçar e não pegar uma filinha na porta.

Na happy hour ofertam o serviço de mesa tradicional.

Assim, o Low BBQ conseguiu se enraizar na região, aproveitando tanto o público que trabalha nos arredores da Faria Lima – Largo da Batata e os moradores do bairro. Sorte nossa.

Low BBQ

Funciona de segunda a quinta, das 12h00 às 15h00 e 18h00 às 23h00. Sexta das 12h00 às 15h00 e 18h00 às 00h00. Sábado das 12h00 às 00h00.

Endereço: Rua dos Pinheiros, 1235 – Pinheiros. São Paulo / SP

Contatos: (11) 3042-0001 / contato@lowbbq.com.br

lowbbq.com.br

insta: @lowbbqbar